Mentira!

Verdade ou mentira?

Nada aponta para esta decisão. Na realidade, o financiamento na Educação tem sido substancialmente reduzido nos últimos anos: o investimento total actual (6.623,2 milhões) é o mais baixo desde 2001. A percentagem do PIB investida em Educação pelo Estado está em queda desde 2009, sendo que o valor previsto para 2012 (4,6%) é o mais baixo desde 1991, bem abaixo da média europeia (6,2%). Para mais, enquanto que a totalidade da Zona Euro gasta anualmente 7374€ por aluno, Portugal fica-se apenas pelos 4011€ anuais por aluno.

Portugal encontra-se actualmente entre os cinco países da União Europeia que mais cortaram no investimento em Educação, desde 2010, com uma redução em mais de 5% do PIB nos orçamentos da Educação.

Esta questão é essencial para compreender a evolução das propinas ao longo das últimas décadas e o seu estado actual, já que a maioria das universidades portuguesas justifica a adopção do valor máximo permitido para as propinas neste ano (1033€) com os cortes no financiamento.

Fontes:
Despesas do Estado em Educação, execução orçamental em percentagem do PIB – http://www.pordata.pt/Portugal/Despesas+do+Estado+em+educacao+execucao+orcamental+em+percentagem+do+PIB-867
Despesas do Estado em Educação, execução orçamental – http://www.pordata.pt/Portugal/Despesas+do+Estado+em+educacao+execucao+orcamental-866
Notícia Económico – http://economico.sapo.pt/noticias/portugal-e-dos-paises-que-mais-cortou-em-educacao-desde-2010_165349.html

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s